Tipos de Vegetação no Brasil

Publicidade

O planeta Terra é um grande bioma, contendo diversos tipos de vegetação, composta pelos mais variados tipos de plantas, divididas em suas milhares de espécies. Cada área do planeta é composta por um tipo de vegetação e suas características de um lugar para o outro irá depender principalmente do clima daquela região, do regime de chuvas, da sua altitude com relação ao nível do mar e da consequente pressão atmosférica, da luminosidade que recebe do sol e de outros fatores, como a presença de montanhas próximos, que pode modificar a movimentação das massas de ar.

A vegetação de cada região, no entanto, também sofre a influência da ação humana, estando em constante alteração. Em algumas regiões do planeta, as características servem apenas como referência ao tipo de vegetação natural, já que a mão do homem provocou profundas alterações, erradicando por completo a vegetação que ali existia.

Nosso país, que possui dimensões praticamente continentais, desde acima da linha do Equador até bem abaixo do Trópico de Capricórnio, e um dos países mais beneficiados por diferentes tipos de vegetação. Nosso território, originalmente, abrigou oito tipos principais de vegetação natural. Algumas dessas regiões ainda se apresentam sem interferência humana, enquanto outras foram parcialmente tomadas pelo homem para a prática da agricultura e da pecuária, além da ocupação urbana.
Vamos conhecer os principais tipos de vegetação brasileira:

Caatinga

1-caatinga

A caatinga é a vegetação predominante na região Nordeste do Brasil, uma vegetação típica do clima semiárido, possuindo plantas espinhosas, pobres em nutrientes, adaptadas a um regime de poucas chuvas e a períodos mais severos de seca. A vegetação da caatinga tem sofrido muitas agressões ambientais, que provocam o empobrecimento do solo, uma situação que dificulta ainda mais o desenvolvimento dessa região.

Publicidade

Pampas ou campos sulinos

BXK38797_morro-redondo-pelotas-rs800

Os pampas ou campos sulinos formam uma região de clima subtropical, apresentando vegetação rasteira, tendo a predominância de capins e gramíneas. A região dos pampas situa-se na região Sul do Brasil, abrangendo uma boa parte do território do Estado do Rio Grande do Sul, servindo primordialmente para a pecuária.

Cerrado

cerrado-vegetacao

O cerrado compõe principalmente a região do Planalto Central do Brasil, possuindo um clima semi-úmido, sendo a segunda maior região de vegetação típica do Brasil. Sua paisagem é composta por árvores baixas e retorcidas, sendo a vegetação com a maior biodiversidade do planeta. A região do cerrado é a que mais tem sofrido agressões do uso humano, principalmente pelas grandes áreas de agricultura, compostas pelas plantações de soja, algodão e cana-de-açúcar, além do seu uso para a pecuária.

Floresta amazônica

aaa

A Amazônia Legal é a região que abriga uma das maiores florestas tropicais do mundo, com milhões de espécies animais e vegetais e sendo uma região importante para o equilíbrio ambiental do planeta Terra. A floresta amazônica é classificada na Botânica como formação florestal latifoliada, apresentando árvores com folhas largas, agrupando-se com grande densidade e atingindo grandes alturas.

Mangues

img216

Os mangues são um tipo de vegetação litorânea, abrangendo diversos tipos de vegetação, apresentando-se como bioma típico de áreas mais baixas, próximas ao nível do mar e sujeitas às marés oceânicas, servindo de criadouro para inúmeras espécies de aves e animais marinhos.

Mata atlântica

mata-1

A mata atlântica é uma área de floresta latifoliada tropical, com clima tropical úmido e é o tipo de vegetação que mais sofreu agressão humana durante a colonização do Brasil, tendo atualmente apenas 7% de sua cobertura original. A mata atlântica se estendia do Rio Grande do Norte ao Rio Grande do Sul, tendo sido degradada para a extração de madeira e o plantio de pecuária, sendo um dos principais produtos a cana-de-açúcar.

Mata de Araucária

DSC05619-2

A mata de araucária é composta principalmente por pinheiros, sendo uma vegetação típica do Estado do Paraná, propiciada pelo clima subtropical. A área original de cobertura da mata de araucária já foi toda devastada, principalmente pela intensa exploração de madeira para a fabricação de móveis.

Pantanal

pantanal_adriano_gambarini7

O pantanal é uma região de vegetação típica, estando localizada no Mato Grosso e no Mato Grosso do Sul, sendo considerada uma vegetação da transição, com formação vegetal bem variada, composta por diferentes ecossistemas. A área do pantanal, em alguns meses do ano, é alagada pelos rios, permitindo apenas o desenvolvimento da vegetação na estiagem.

Fonte: Portal Sua Escola

Publicidade
Compartilhe!

Deixe uma resposta